16 DE AGOSTO DE 1977 - O DIA EM QUE ELVIS MORREU

 

 

A MORTE O ano de 1977 ficaria marcado no imaginário de milhões de pessoas no mundo, pois fatos de grande importância aconteceram naquele ano. No mundo do cinema George Lucas lançava um dos maiores fenômenos de bilheteria, a trilogia Star Wars. Nunca o mundo havia visto um filme com tantos efeitos especiais e com tamanha inovação. No mesmo ano o mundo do cinema se despedia de Chaplin, um gênio do cinema mudo. No campo musical surgia na Inglaterra um grupo que iria mudar os rumos da música jovem, os "Sex Pistols", odiados por milhões e amados por outros os Sex Pistols trouxeram a rebeldia novamente só que desta vez muito mais agressiva! Mas o fato de maior impacto no mundo foi sem dúvida a morte de Elvis! O impacto não foi somente por parte dos fãs, o mundo inteiro chorou por Elvis! Todos os meios de comunicação se voltaram para este fato e nenhum assunto foi tão explorado como este! A saúde de Elvis estava debilitada devido a uma série de fatores físicos e emocionais o que motivou a elaboração do testamento já no início de 1977. Estava com 42 anos, cedo para um testamento, mas talvez pressentisse que sua hora estava chegando. Vinha sendo alvo constante da mídia devido a sua forma física, algo que o incomodava, mas nada o tirava tanto do sério quando o acusavam de "drogado". Nenhuma droga ilegal foi encontrada em seu corpo na necrópsia, apenas as receitadas pelo seu médico Dr Nick. O problema foi o uso contínuo desses medicamentos e as grandes quantidades ingeridas de uma única vez. O próprio Dr. Nick foi processado mais tarde devido este procedimento médico. A hipótese de uma "overdose" foi descartada, pois o que Elvis tomou na madrugada de 16 de agosto, era o que tomava no seu dia a dia. O coração estava inchado segundo os legistas,  motivo que gerou a parada cardíaca fulminante. Os motivos que levaram a morte de Elvis foi algo explorado a exaustão nos Estados Unidos e muita mentira foi dita então. A morte de ídolos do Rock motivada pelas drogas estava em evidência devido os desaparecimentos de Jimi Hendrix, Janis Joplin e Jim Morrisson. Com isso a morte de Elvis foi associada pelos mesmos motivos em algumas revistas e jornais. Elvis passava por inúmeras doenças em seus últimos anos, sua insônia lhe obrigava a trocar o dia pela noite, tinha problemas intestinais, depressão, lutava para perder peso com o uso de medicamentos, vivia uma rotina estressante de muitas viagens e shows, algo que pode ser percebido em seu último Especial de TV, Elvis in Concert.  Segundo pessoas que conviveram anos com o Rei disseram que Elvis se tornou dependente destes medicamentos, mas o próprio negava o fato. Segundo Joe Esposito várias pessoas tentaram o ajudar, mas sem sucesso. Elvis ingeria os medicamentos não para ficar "alucinado", mas para aliviar os inúmeros sintomas que sentia. Este é um assunto tabu para muitos fãs e fã-clubes em todo o mundo. Para muitos Elvis morreu de causas naturais, para outros devido ser um dependente quimico e para uma grande parcela, pouco importa o motivo, pois nada vai mudar o sentimento deles para com Elvis. A morte de Elvis novamente voltou a mídia devido a morte de outra celebridade, Michael Jackson. Para os americanos a história se repetiu com o Rei do Pop. Polêmicas a parte uma coisa é certa, nada vai mudar a história. Elvis nasceu em 1935 e faleceu em 1977, cumpriu com maestria sua missão. Até seu último show a voz continuava poderosa! Lotava qualquer lugar onde se apresentasse! Elvis cantou pela última vez aos fãs num show em Indianápolis. O local se chamava Market Square Arena, mas já foi implodido. A data entrou para a história, 26 de junho de 77. O set list foi o seguinte: 2001 Theme / See See Rider / I Got A Woman - Amen / Love Me / Fairytale / You Gave Me A Mountain / Jailhouse Rock / O Sole Mio - It's Now Or Never / Little Sister / Teddy Bear - Don't Be Cruel / Release Me / I Can't Stop Loving You / Bridge Over Troubled Water / I Really Don't Want To Know / Hurt / Hound Dog / Can't Help Falling In Love . Foi a última vez que pisou no palco e sentiu o calor de seus fãs! Depois disso voltou a Memphis para descançar para a próxima tour, uma "tour" que iniciaria em 17 de agosto em Portland. O livro "Elvis What Hapenned ?" de sua ex-guarda costas caiu como uma bomba para ele. Nele havia várias acusações a respeito de sua vida pessoal e insinuava o abuso de drogas. Para Elvis aquilo foi uma traição, tudo isso o deixou muito deprimido e encarou o fato como um desafio! Começou a traçar planos de realizar sua melhor tour e dar sua resposta às críticas.  Havia também boatos que iria se desligar do Coronel e fazer uma tour pelo mundo! Infelizmente não foi possível ser concretizado! No dia 15 de agosto Elvis vai ao dentista Dr. Hofman para fazer uma profilaxia,  ele recordaria mais tarde o que Elvis disse na ocasião:  

"Dr. Hoffman,  sua filha está estudando e morando na Califórnia. A minha pequena Lisa também. Quando eu terminar esta tour que começa amanhã, nós viajaremos juntos para Califórnia e as levaremos para almoçar."

Depois disso retorna a Graceland. Neste momento Elvis é flagrado por um fã que registra sua última imagem! Ao adentrar em Graceland parece estar um pouco nervoso, resolve jogar ping pong com Billy Smith.  Das 6h30 até 9h00 fica acordado sem sono, então toma uma dose de remédios e tentar ler. Ele fica com Ginger Alden até as 9h00. Pega o livro "The Face of Jesus" e vai para o banheiro. Ginger fala para Elvis não dormir lá. Ginger só acorda às 14h00 e não encontra Elvis ao seu lado, vai até o banheiro e começa a bater na porta. Ela consegue observa-lo e vê que está curvado no chão. Chama Joe Esposito e All Strada que solicitam uma ambulância. Elvis é levado ao Hospital Baptista de Memphis onde é tentada a reanimação, mas sem sucesso. Ele é declarado morto às 15:30 de 16 de agosto! Em questão de minutos o mundo já sabia da notícia, foi uma tragédia para milhões de fãs em todo o mundo. O corpo de Elvis retorna a Graceland no dia 17 para no dia seguinte ser sepultado no cemitério de Forest Hill. Com a tentativa de seqüestro do corpo acharam melhor leva-lo para Graceland onde está até hoje.

ÚLTIMA FOTO? - Ainda há muita polêmica sobre a foto de Elvis já morto. Para muitos uma farsa criada por um jornal sensacionalista. Mas já houve pessoas que estavam no dia, que confirmaram a autenticidade da foto.  Isso vai ser mais um daqueles mistérios envolvendo a carreira de Elvis.

O RENASCIMENTO - Depois da morte física de Elvis aconteceu um novo fenômeno do Show Business, Elvis continuou a reinar absoluto em vendagens, em número de fã clubes, sucessos nas paradas, se mostrando sempre atual! É o cantor mais imitado do mundo e de maior sucesso fonográfico também! Sempre tratado com respeito e admiração por outros artistas, Elvis continua sendo aquilo que todos almejam ser! São tantos livros dedicados a ele, que só perde em títulos para Jesus Cristo! É o homem mais fotografado de todos os tempos e sua casa é a segunda residência mais visitada dos Estados Unidos, só perdendo da Casa Branca! Elvis volta com freqüência as paradas de sucesso em vários países, desbancando até astros da atualidade! Elvis esta mais vivo do que nunca, mostrando que o tempo não apagou seu brilho!

 

AN AMERICAN TRILOGY (1972) - Este vídeo apresenta o funeral de Elvis em 1977 intercalando imagens de 1972. Faz parte do filme "This is Elvis" lançado em 1981. Faz parte de nossa página no YouTube. Com o vídeo é possivel dimensionar o comoção mundial que foi essa perda irreparável. Um dia que jamais se apagará na memória de seus fãs.